affective
affinities
33bienal/sp

7 sep - 9 dec, 2018
free admission

Exhibitions


Group Exhibitions


A infinita história das coisas ou o fim da tragédia do um
Sofia Borges


Legend: Sofia Borges, O dourado cego brilhante deus sorridente, 2017. ©Cortesia da artista

A curadoria de Sofia Borges, A infinita história das coisas ou o fim da tragédia do um, parte de interpretações filosóficas sobre a tragédia grega para mergulhar em uma colagem de referências mitológicas. Sua proposta configura-se como um espaço ativo de investigação acerca dos limites da representação e da impossibilidade da linguagem enquanto instrumento de mediação do real:

O infinito do tudo era um só. A junção do sentido era um círculo. O vazio do vazio era inteiro. A porta do fim não fechava. E no aberto não cabia mesmo o um. Porque o vão entre o tudo era um ovo. A luz que emitia era um vaso. E o ausente que havia era um só. A verdade não continha o presente. O passado um uníssono sim. O equívoco era uma espécie de antigo. A floresta era uma forma de medo. E a palavra só sabia o maior. O dourado não era sequer existente, já que sabia, a si mesmo, ser sem fim. Onde tudo cabia sem forma. O lugar do sem fim era um só. O círculo era sempre uma reta. E a volta era só o início. Cada coisa que havia era o tudo. E a verdade sequer sabia seu som. Assim, tudo podia mudar. Era um fogo brilhante. [SB]

   

Artistas participantes

Adelina Gomes (BRA, 1916 – 1984)
Ana Prata (BRA, 1980)
Antonio Malta Campos (BRA, 1961)
Arthur Amora*
Bruno Dunley (BRA, 1984)
Bruno Palazzo (BRA, 1981)
Carlos Ibraim*
Carlos Pertuis (BRA, 1910 – 1977)
Coletivo Summit: Alessandra Meili (BRA, 1970), Rebecca Sharp (BRA, 1976) e Sofia Borges
Grupo Pineal (BRA, 2018)
Guga Szabzon (BRA, 1987)
Isaac Liberato (BRA, 1906 – 1966)
Jennifer Tee (HOL, 1973)
José Alberto de Almeida (BRA, 1959)
Lea M. Afonso Resende*
Leda Catunda (BRA, 1961)
Martin Gusinde (POL, 1886 – AUT, 1969)
Rafael Carneiro (BRA, 1985)
Sara Ramo (ESP, 1975)
Sarah Lucas (UK, 1962)
Serafim Alvares*
Sofia Borges (BRA, 1984)
Sônia Catarina Agostinho Nascimento (BRA, 1959 – 2004)
Tal Isaac Hadad (FRA, 1976)
Thomas Dupal (SIN/FRA, 1981)
Tunga (BRA, 1952 – 2016)
Vicente*

* artistas sem dados biográficos disponíveis

image gallery
Share